.::Calendário::.



.::Relógio::.



.::Histórico::.


.::On Line::.



.::Contador::.


.::Presentinhos::.


.::Layout by::.


.::Etc::.



Boa Noite, Amor!

Naufragam-se as esperanças de dias melhores
Engolem-nos as espumas salgadas da ira...
Violência, discórdias uma atrás da outra.
Para onde nos levarão?
Ninguém detém a resposta

É culpa deste, daquele.
A culpa é nossa!
Permitimos!

Não somos capazes de tomar decisões sérias
em benefício do próximo
Aliás, preferimos  aniquilar o próximo mais próximo
Ao cruzarmos os braços.

Ação!
É a ordem
 do dia
da hora
Do coração
A Alma pede  Paz
O Povo pede Paz
Os Animais pedem Paz
Salvem !Acudam!Resgatem!
Suas Almas, seus corpos
Sua Mente!
Vamos tomar atitudes
Salvar o Planeta
Matar a fome  do vizinho
De comida
De fé
De  carência afetiva
Dar as mãos!
Velhos, crianças, jovens!
Todos.

Anna Paes
Brasilia 23/10/2008
18hs22


Postado por Petalas às 22h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Braços, abraços
Anna Paes

agora poeta, poeta
                 poeta tua dor de amor.
quando no mar estivermos
                           quero o mais doce verso
            um olhar, um abraço..
talvez um beijo
            e vou embora.
se acaso sentires saudade,
           sopra na lua
cairei poeira
em teus braços abraços

Anna Paes
Brasília - 18/10/2008
20hs02


Postado por Petalas às 22h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Boa noite, Amor

...mas qdo digo que te amo,
eu nao quero dizer com isto
 que te amo...
eu quero dizer que te amo e só.

Sem mar, sem ar,
sufocando assim...
(um sentimento)

Sem sol e nem luar
Abandonada em mim mesma
Pelo muito que me amo
Mais que a ti.
Anna Paes

DF-Brasília - 22/10/08


Postado por Petalas às 22h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Chuva de lágrimas
Anna Paes

Chorou o céu
Por mim, por ti

Olhos marejados
Despedi-me de ti

Anna Paes
Brasília 20/10/2008
22h01


Postado por Petalas às 22h15
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Noite de Lua
Anna Paes

Sem chuva
                      Brilha no céu
A Lua
                Tão nua

E eu a vagar
                          Perdida no infinito
Do brilho dos olhos
       Teus

Anna Paes
15/10/2008


Postado por Petalas às 22h15
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Separadas
Anna Paes

Das metades repartidas
Do muito que  procuro
De um inteiro sem fim

Busco  pedaços desencontrados
Nada se junta por inteiro
Quebra cabeça

Da  metade perdida
Desencontro
Da metade esquecida
Decepção.

Brasilia-15/10/2008


Postado por Petalas às 22h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]






ver mensagens anteriores
.::Sobre Mim::.




Meu Perfil
BRASIL , Centro-Oeste, BRASILIA, Mulher , de 46 a 55 anos


.::Link Especial::.


.::Amigos::.


.::E-Books::.
E-books editados pela AVBL
Anna Paes


.::Link-me::.





.::Meu Award::.





.::Recadinhos::.



.::Música::.